21/06/2019 às 15h17min - Atualizada em 23/06/2019 às 00h00min

A tentação das comidas típicas da Festa Junina e o controle do peso

A nutricionista, Rose Ueno, comenta sobre a alimentação durante esse período

DINO


Junho é o mês das Festas Juninas se espalharem pelas cidades brasileiras com muita dança, diversão e quitutes. É época de frio, hora de provar o quentão ou o vinho quente para aquecer o corpo. Irresistível sentir o cheiro da espiga de milho e a pipoca quentinha da barraca ao lado. Mas ainda tem a barraca de bolos, o churrasco, a batata doce assada, a canjica, o amendoim...O que fazer para se alimentar de forma saudável e manter a dieta?

Há 2 caminhos para você. O primeiro é comer antes de sair de casa para não passar vontade e "atacar" o que encontrar pela frente. Reduzir suas possibilidades de consumo para 1 espeto de churrasco de frango (sua fonte de proteína). 1 espiga de milho cozida e sem manteiga ou sal ou ½ batata doce assada. Sem exageros, porque são fonte de carboidratos e fornecem energia. Se não queima, vira estoque de gordura no corpo. Cuidado com o churrasco e o amendoim salgado pois são ricos em sódio, canjica e arroz doce muito açúcar, vinho quente e quentão tem álcool e açúcar, bolos são fontes de carboidratos simples.

Confesso que gosto mais da ideia de escolher o segundo caminho. Experimentar os quitutes que gosta, aproveitar o clima de Festa com seus amigos e familiares, porque Festa Junina não acontece o ano todo. Não digo exagerar, comer sem limites, mas degustar o que gosta. Assistir as quadrilhas, confraternizar e não focar apenas no que vai comer. Não fique parado somente comendo, porque não participa da quadrilha? Queima calorias?

Muitos irão perguntar, mas é liberado a comida? Nesse dia pode haver um pouco de abuso, mas no dia seguinte retome a sua boa alimentação, cuide sim do que come, não libere todos os dias um pouco, porque irá facilitar o ganho de peso, ou adoecer o seu organismo. Faça atividade física, não seja sedentário.

Para aqueles que não possuem uma dieta restritiva, fica a dica dos alimentos típicos que tem bom valor nutricional:

amendoim (doce, salgado, pé de moleque, paçoca): fonte de proteínas, gorduras monoinsaturadas que ajudam a diminuir o colesterol ruim, possui antioxidantes como a vitamina E, que protege o organismo contra o câncer e as doenças cardíacas além de contribuir para a fertilidade.

- milho (canjica, pipoca, bolo de milho e fubá, broa, curau, cuscuz, pamonha): alimento energético, rico em vitamina A, C, folato, tiamina, potássio, ferro e fibras que ajudam a regular o intestino.

- batata doce: fonte de energia, rica em vitamina E, beta caroteno, antioxidante que colabora para a saúde da pele, e prevenção do envelhecimento precoce de células.

- arroz doce e canjica: rico em carboidratos, fornece energia para a atividade física diária e para dançar a quadrilha.

- pinhão: são sementes sazonais, ricas em proteínas, minerais e vitaminas, além de serem ótimas fontes de ácidos graxos essenciais, cálcio e magnésio.

- gengibre: ingrediente do quentão de sabor picante, é uma raiz muito utilizada para aliviar náuseas, calafrios e congestão de resfriados.

- vinho quente: ingrediente principal é a uva, rica em flavonoides que auxiliam na prevenção de doenças cardíacas.

Veja esse menu junino com 700 calorias/dia:

- 1 espeto de carne - 120 calorias

- 1 espeto de frango - 90 calorias

- 1 milho verde cozido - 70 calorias

- 1 fatia de bolo simples (fubá ou milho) - 200 calorias

- 1 saco pequeno de pipoca salgada - 80 calorias

- 1 copo de vinho quente - 140 calorias

Estas calorias totais equivalem ao seu almoço ou jantar e um lanche no meio da tarde. Não precisa comer a mais do que necessita. E procure ter uma boa hidratação ao longo do dia com água ou chás, pois não possuem calorias.

Link
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp