11/08/2021 às 10h03min - Atualizada em 12/08/2021 às 00h00min

Criação da Região Metropolitana de São José do Rio Preto é aprovada pela Assembleia Legislativa

Deputado Sebastião Santos foi o relator especial do projeto de lei complementar nº 15/2021

SALA DA NOTÍCIA Abrahão Hackme
http://www.deputadosebastiaosantos.com.br/Post/Ver/31708
Abrahão Hackme / Assessor de Imprensa – Deputado Estadual Sebastião Santos (Republicanos)
A criação da Região Metropolitana de São José do Rio Preto com 37 cidades, foi aprovada durante a sessão extraordinária da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, realizada na manhã de hoje, 10 de agosto, em São Paulo.

Relator especial do Projeto de Lei Complementar (PLC) 15/2021 na Comissão de Constituição, Justiça e Redação, o deputado estadual Sebastião Santos (Republicanos), agradeceu a confiança e comemorou pela integração de mais dois municípios da região inclusos no projeto.

Foram aprovados os municípios de Adolfo, Bady Bassitt, Bálsamo, Cedral, Guapiaçu, Ibirá, Icém, Ipiguá, Irapuã, Jaci, José Bonifácio, Macaubal, Mendonça, Mirassol, Mirassolândia, Monte Aprazível, Neves Paulista, Nipoã, Nova Aliança, Nova Granada, Olímpia, Onda Verde, Orindiúva, Palestina, Paulo de Faria, Planalto, Poloni, Potirendaba. Sales, São José do Rio Preto, Severínia, Tanabi, Ubarana, Uchoa, União Paulista, Urupês e Zacarias.

“Incluímos Severínia e Olímpia na PLC, pois são cidades importantes na área do turismo da Região Metropolitana. Não deixaria grandes potências econômicas de fora, pois irão acrescentar e muito para debatermos a regionalização como um todo”, disse.

Sebastião também ressaltou sobre o destaque da região. “A criação dessa região vai trazer benefícios para toda a população que está organizada nesses 37 municípios. São quase um milhão de habitantes”, explicou.

Santos também disse sobre a integração das cidades no debate de ações em prol do noroeste paulista. "Todos os municípios vão debater, em conjunto, soluções para os problemas da região. Precisamos agora criar os fundos, as agências de desenvolvimento, o conselho de desenvolvimento, que vai definir algumas regras, como os objetivos da região. Os objetivos serão comuns", ressaltou Sebastião.

Segundo dados divulgados pela secretaria estadual do Desenvolvimento Regional, a Região Metropolitana de São José do Rio Preto com as 37 cidades incluídas totaliza 918.016 habitantes. Os principais setores econômicos da regionalização abrangem comércios e serviços, indústria, turismo e agropecuária, além da infraestrutura de 10 rodovias, aeroporto de São José do Rio Preto, as ferrovias e os Rios Grande e o Turvo.


Texto: Abrahão Hackme / Assessor de Imprensa – Deputado Estadual Sebastião Santos (Republicanos)
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp