19/08/2021 às 16h10min - Atualizada em 20/08/2021 às 00h00min

Concertos no Rio e SP marcam lançamento do CD com integral da sonatas de Villa-Lobos, com Pablo Rossi e Emmanuele Baldini

Apresentações acontecem nos dias 21 e 22 de agosto, na Sala Cecilia Meireles, no Rio, e Sala São Paulo; CD faz parte da coleção A Música do Brasil, do selo Naxos

SALA DA NOTÍCIA Linhas Comunicação
divulgação
Dois concertos, no Rio e em São Paulo, marcam o lançamento do CD Villa-Lobos: Complete Violino and Piano Sonatas, interpretadas por Pablo Rossi (piano), e Emmanuele Baldini (violino), spalla da OSESP. No sábado, 21, na Sala Cecília Meireles, no Rio, às 19h, o duo participa da série Música de Câmara com a Sonata Fantasia Nº 2 e Sonata Nº 3, de Villa-Lobos. Completam o repertório Sonâncias Nº 2, de Edino Krieger, e Le Grand Tango, de Astor Piazzolla. O CD faz parte da coleção A Música no Brasil, do selo Naxos.

No dia seguinte, domingo, às 11h, eles apresentam na Sala São Paulo, na capital paulista, pela série Concertos Matinais, as Sonatas para violino e piano, de Villa-Lobos. Completam o programa a sonata de Cesar Franck e miniaturas latino-americanas.

Segundo Pablo Rossi, a ideia do projeto nasceu há alguns anos, em Nova Iorque, quando ele fazia seu segundo mestrado na Mannes School of Music, sob orientação de Jerome Rose. Na ocasião, Rossi fez um recital dedicado ao projeto da Naxos no Carnegie Hall. Foi quando teve a ideia de se apresentar com Baldini na American Society.

“Além de ser um fantástico violinista, Baldini sempre demonstrou um interesse muito grande pela nossa música, pela nossa cultura. É um grande pesquisador e estudioso”, afirma Rossi. Ambos já haviam se apresentado juntos, há alguns anos, com a primeira sonata de Villa-Lobos. A gravação do CD é de janeiro de 2020, no Westchester Studios, em Nova Iorque, com produção de Adam Abeshouse.

Semana de 22
Pablo Rossi explica que a gravação do ciclo completo das sonatas é um marco na discografia da música de câmara brasileira. “Trata-se de uma grande homenagem a Villa-Lobos, que compôs as sonatas nos anos que antecederam a Semana de Arte Moderna de 22, entre 1912 e 1920. A Semana marcou sua projeção internacional, especialmente pela fusão de ritmos folclóricos com a música erudita”, explica.
A pesquisadora Camila Fresca assina o texto do encarte do álbum. Sobre o período da composição, afirma que “é um momento em que ele domina as ferramentas da composição e delineia sua linguagem, ao mesmo tempo em que, com grande esforço, consegue suas primeiras vitórias profissionais”. Ela também identifica nas peças a influência da linguagem francesa no início da carreira de Villa-Lobos.

Serviço:
Música de Câmara
Local: Sala Cecília Meireles - Rio
Data: 21 de agosto, às19h
Ingressos: de R$ 20 a R$ 40, pelo site http://salaceciliameireles.rj.gov.br/
Intérpretes:
Emmanuele Baldini – violino
Pablo Rossi – piano

Programa: 
Sonata Fantasia Nº 2 de Villa-Lobos
Sonata Nº 3, de Villa-Lobos.
Sonâncias Nº 2, de Edino Krieger
Le Grand Tango, de Astor Piazzolla.
 
Série Concertos Matinais
Local: Sala São Paulo
Data: 22 de agosto, às 11h
Intérpretes:
Emmanuele Baldini – violino
Pablo Rossi – piano

 
Lançamento oficial do CD Villa-Lobos: Sonatas para violino e piano
E mais: Sonata de Cesar Franck e miniaturas latino-americanas
Ingressos:
Distribuição gratuita a partir das 10h da segunda-feira anterior ao concerto, pela internet ou totens localizados no térreo da Sala São Paulo.
Site: http://www.salasaopaulo.art.br/paginadinamica.aspx?pagina=bilheteriaconcertos
Link
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp