28/01/2022 às 16h34min - Atualizada em 30/01/2022 às 00h00min

São 46% dos pais da rede pública que desejam mudar seus filhos para a particular

Estudo mostra que, com a insatisfação com as escolas públicas durante a pandemia, 46% dos pais querem transferir seus filhos para escolas particulares.

DINO
https://www.melhorescola.com.br/
Radar da Educação 2021


A pandemia de Covid-19 aumentou ainda mais a diferença entre o ensino particular e público. Porém, a maioria das escolas, sejam privadas ou públicas, não estava preparadas para o ensino remoto e híbrido. Dessa forma, o processo de adaptação foi muito complexo.

Assim, essa falta de preparo impactou muito no aprendizado. Porém, por terem maior quantidade de recursos, as instituições de ensino básico da rede particular, conseguiram trabalhar melhor com seus alunos durante o período em que as escolas estavam com o ensino remoto ou então híbrido.

Portanto, de acordo com a Unicef, as perdas da pandemia na educação infantil são quase irreversíveis. Mas, em qual grau as famílias foram impactadas? Segundo uma pesquisa realizada pelos maiores marketplaces de educação da América Latina, Melhor Escola e Quero Bolsa, 32,27% das pessoas entrevistadas alegaram que tiveram a renda muito impactada com a pandemia.

Nesse sentido, o estudo ainda teve o intuito de saber qual o grau da satisfação das famílias com as escolas durante a pandemia. Sendo assim, 22,21% dos pais da rede privada disseram não estar satisfeitos com a conduta das escolas durante a pandemia. Já 39,79% dos pais da rede pública falaram não estarem satisfeitos com as suas escolas.

Tal insatisfação está clara, pois 46% desses pais que possuem filhos na rede pública querem transferi-los para particular. O relatório completo, feito pelo Melhor Escola, pode ser visto através do link a seguir: https://bit.ly/3IvM5eL



Website: https://www.melhorescola.com.br/
Link
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp