12/02/2022 às 14h33min - Atualizada em 12/02/2022 às 14h33min

Ouro da Seleção Brasileira será uma dos esportistas selecionados pelo Programa Bolsa Atleta em Lages - Prefeitura de Lages

“O que me faz ser atleta é a superação das limitações do corpo. Esta ajuda do Poder Público Municipal é salutar porque chega a um ponto em que o atleta não consegue mais evoluir sozinho, precisa de apoio financeiro para se dedicar 100% ao esporte (...)” - Ana Paula Madruga de Souza

https://www.lages.sc.gov.br/noticia-descricao/3395/ouro-da-selecao-brasileira-sera-uma-dos-esportistas-selecionados-pelo-programa-bolsa-atleta-em-lages-

Atleta da Seleção Brasileira Paralímpica de Remo, Ana Paula Madruga de Souza assinou seu Termo de Adesão ao Programa Bolsa Atleta, da Prefeitura de Lages (Fundação Municipal de Esportes) na tarde dessa terça-feira (8 de fevereiro), formalizando o direcionamento de recursos financeiros para o desenvolvimento de sua carreira. A desportista sempre teve uma vida normal, todavia, em 2003, foi diagnosticada com uma doença rara, a esclerose sistêmica e polineuropatia e, mais recentemente, miopatia nos membros superiores. Desde esta época, há 19 anos, vence diariamente as adversidades impostas pela doença. Portanto, os valores mensais do Bolsa Atleta estão decididos para custeio de sua alimentação, combustível, suplementação, consultas médicas e fisioterapia.

A especialista na categoria PR3, barco: 4 com misto, a estreante no Bolsa Atleta em 2022, lageana, uma jovem de 37 anos graduada em Ciências Biológicas, reside no bairro Sagrado Coração de Jesus, tem o remo como sua paixão há mais de uma década (13 anos) e treina no Clube Náutico Francisco Martinelli, em Florianópolis. Até então, Ana Paula era beneficiada unicamente pelo Programa Bolsa Atleta do Governo Federal. Ela está entre os dez melhores barcos da categoria PR3, barco: 4 com misto de para-remo do mundo e divide seus dias entre Lages e Florianópolis.

Neste ano que está apenas começando para que ela continue escrevendo as páginas de sua caminhada, Ana Paula participará dos campeonatos Brasileiro e Mundial. “O que me faz ser atleta é a superação das limitações do corpo. Esta ajuda do Poder Público Municipal é salutar porque chega a um ponto em que o atleta não consegue mais evoluir sozinho, precisa de apoio financeiro para se dedicar 100% ao esporte. A colaboração proporciona, aos atletas, destaque na modalidade com condições de brigar por medalhas”, defende Ana Paula.

A jovem Ana é bicampeã do Campeonato Brasileiro de Para-remo, no Rio de Janeiro, em 2019, no 4 com misto e vice na mesma competição, em 2021, na mesma categoria de dois anos antes. Em 2021, 2º lugar no Campeonato Brasileiro de Para-remo, no Rio de Janeiro, na categoria double misto, e  2º na 2 sem feminino.

A rotina de Ana Paula pode ser acompanhada em suas redes sociais. No Instagram: @anapaulamadrugaremo e no Facebook - Ana Madruga. Seu e-mail é [email protected]

São 79 atletas este ano

Em 2022, o Programa Bolsa Atleta de Lages dará suporte à trajetória de 79 atletas das modalidades atletismo, bocha, futsal, handebol, lutas, natação, remo, voleibol e xadrez. E enaltece competições como Jogos Abertos Paradesportivos de Santa Catarina (Parajasc), Jogos Escolares Paradesportivos de Santa Catarina (Parajesc), Joguinhos Abertos de Santa Catarina (Joguinhos) e Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc). “Parabenizamos a todos os inscritos por atenderem ao nosso chamamento e reiteramos nosso compromisso com o esporte e os predicados e aptidões dos integrantes das modalidades. Dever da prefeitura preconizar esta seção da sociedade”, enfatiza o vice-prefeito, Juliano Polese.

O superintendente da Fundação Municipal de Esportes (FME), Renato Nunes de Oliveira Junior (Renatinho), confessa: “Orgulho destes atletas de altíssimo empenho. O Município investe no esporte por acreditar ser o rumo de nossas crianças e adolescentes, inspirados nestes talentos experientes. Sucesso nesta nova jornada.”

Ao prestigiar desportistas do município de Lages, o Programa Bolsa Atleta, idealizado e posto em prática pela Fundação Municipal de Esportes (FME), valoriza o esporte e está aplicando o maior investimento de sua história, R$ 250 mil para subsidiar os esportistas da cidade, cuja fonte compõe-se na dotação orçamentária vigente. O auxílio financeiro pode ser de até R$ 750 mensais, dependendo da categoria pleiteada. O mínimo são R$ 100. De março a dezembro de 2022 corresponde o tempo da duração da concessão.

O Bolsa Atleta dispõe de quatro categorias de auxílio: Estadual, Nacional, Internacional e Olímpico e Paralímpico.

Requisitos

Para pleitear a concessão do Bolsa Atleta, o interessado deve possuir idade mínima de dez anos; estar vinculado a alguma entidade de prática desportiva com Certificação de Registro de Entidade Desportiva no Conselho Municipal de Desporto (CMD); estar em plena atividade esportiva; não receber salário de entidade de prática desportiva, e ter participado de no mínimo três competições esportivas em âmbito estadual, nacional e/ou no exterior e de no mínimo um evento da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte) no ano de 2021. O benefício está concedido ao atleta que comprovadamente residir em Lages há mais de um ano, salvo se o atleta residir em outro município e competir por Lages, por dois anos consecutivos, após sua primeira participação.

Calendário esportivo de Ana Paula em 2022

A agenda de Ana Paula está forte para este novo ano: Treinamento já realizado em fevereiro na raia da Universidade de São Paulo USP), Campeonato Brasileiro de Barcos Curtos (18 a 23 de abril, em local a ser definido); Campeonato Mundial (18 a 25 de setembro, na República Tcheca), e Campeonato Brasileiro de Barcos Longos e Para-remo (20 a 23 de outubro, no Rio de Janeiro).  

O sonho de Paris

Para os próximos dois anos, Ana Paula buscará crescimentos profissionais e pessoais e adaptação para atingir o melhor rendimento no esporte e conquistar a medalha de ouro nas Paralimpíadas de Paris em 2024. “Meus objetivos futuros são defender o pódio brasileiro e ser tricampeã nos Jogos Brasileiros de 2022 e participar de campeonatos mundiais em 2022 e 2023 e das Paralimpíadas de Paris, em 2024.”

Texto: Daniele Mendes de Melo

Fotos assinatura Termo de Adesão: Paulo Marques

Fotos Ana Paula Madruga de Souza em competições: Arquivo Pessoal/Divulgação

 


Link
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp