27/04/2022 às 17h06min - Atualizada em 28/04/2022 às 00h00min

Territórios da Agricultura: projeto de inovação e desenvolvimento sustentável chega a Balsa Nova - PR

SALA DA NOTÍCIA Fibra Comuncação
Imagem: Divulgação - Arquivo pessoal
Iniciativa implementada pela Evoluir, em parceria com a AOPA - Associação
para o Desenvolvimento da Agroecologia, envolverá 40 participantes de Balsa Nova, Campo Largo e Lapa, visando a produção de alimentos locais, organização comunitária e geração de renda. Este projeto tem o patrocínio da Ingredion, pela Lei de Incentivo à Cultura, da Secretaria Especial da Cultura.

 
Utilizar o cultivo de alimentos como caminho para fomentar novas soluções para o desenvolvimento econômico, social e sustentável das comunidades. Esse é um dos objetivos do projeto Territórios da Agricultura, que começa este mês em três municípios do Paraná: Balsa Nova, Campo Largo e Lapa. Desenvolvido pela Evoluir, em parceria com a AOPA - Associação para o Desenvolvimento da Agroecologia, será viabilizado por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, da Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo com patrocínio da Ingredion. A iniciativa envolverá 40 participantes, contemplando agricultores/as familiares, rede de consumidores, técnicos de extensão rural, agentes culturais e educacionais. A meta é realizar o mapeamento do cenário de agricultura e a implementação coletiva de um plano para contribuir para a produção de alimentos, além do empoderamento e da organização comunitária . Ao final da jornada educativa, prevista para durar oito meses, será promovida uma exposição fotográfica aberta ao público, para apresentar os resultados e aprendizados do programa.
 
O Territórios da Agricultura dá atenção especial à Agricultura Familiar e à Agricultura Urbana e Periurbana (AUP), reconhecendo a relevância econômica, ambiental, social e cultural destas iniciativas em cada território. Enquanto a primeira tem um papel fundamental na produção de alimentos no meio rural, fornecendo a maior parte do que é consumido pelos brasileiros, a segunda vem crescendo enquanto movimento e democratizando a agricultura dentro e nas bordas das cidades, trazendo benefícios significativos para suas comunidades para além da alimentação. Neste contexto, a metodologia utilizada no projeto convoca os participantes a serem protagonistas no desenho de soluções para sua comunidade, com foco na mobilização coletiva e na geração sustentável de renda.
 
“O projeto está estruturado em uma jornada com cinco etapas: formação do grupo, mapeamento e diagnóstico territorial, definição de situação-problema, co-criação de soluções e comunicação das iniciativas”, explica a coordenadora de projetos da Evoluir, Mariana Moferdini. “Sua metodologia se inspira na Teoria U, de Otto Scharmer, que destaca a condução coletiva de inovação e mudanças sociais profundas por meio dos movimentos de co-iniciar, co-sentir, co-presenciar, co-criar e co-desenvolver”, descreve. “Ao longo de 40 horas de formação, os participantes trabalham capacidades como autogestão, atuação em equipe, liderança, conhecimentos sobre os agrossistemas e a cultura do campo, construção coletiva de saberes, mapeamento e diagnóstico territorial, condução de pesquisas coletivas e entrevistas, técnicas e abordagens para produção fotográfica e audiovisual, registro e sistematização de informações, implementação de protótipos, entre outros”.
 

Mariana ressalta ainda que o Territórios da Agricultura trabalha em uma perspectiva sistêmica, integrando diversos temas e atores, permitindo assim integrar diversos movimentos e alinhar as ações aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) na Agenda 2030 da ONU: erradicação da pobreza (1), fome zero e agricultura sustentável (2), saúde e bem-estar (3), educação de qualidade (4), trabalho decente e crescimento econômico (8), cidades e comunidades sustentáveis (11), consumo e produção responsáveis (12) e parcerias e meios de implementação (17). “Seu grande propósito é mobilizar e reunir diversos atores da comunidade local, promovendo diálogo com temáticas transversais à agricultura e contribuindo para o desenvolvimento sistêmico do território”, conclui.
 

“Estamos empenhados em cumprir diariamente com o nosso propósito de tornar a vida melhor. Dentro da nossa agenda de Responsabilidade Social, nosso compromisso é com o desenvolvimento econômico e social das comunidades onde atuamos, fomentando iniciativas para geração de trabalho e renda e erradicação da fome. Através de projetos como “Territórios da Agricultura”, reforçamos nosso valor Cuidado em Primeiro Lugar e contribuímos com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, sempre colocando nossa energia em criar um futuro em que meio ambiente, biodiversidade, vida saudável e Diversidade, Equidade e Inclusão estejam conectados”, comenta Viviane Pereira, gerente de sustentabilidade da Ingredion América do Sul.
 
As atividades do Territórios da Agricultura englobam ainda a entrega de materiais pedagógicos, doação de livros paradidáticos ao município, exposição audiovisual aberta e gratuita ao público (com materiais produzidos pelos próprios participantes), divulgação das iniciativas, articulação de parcerias institucionais, educação e inclusão social de jovens e adultos, visitas escolares das redes municipais de ensino à exposição e palestras educativas para os alunos.

 

Sobre o Territórios da Agricultura
O Territórios da Agricultura é um projeto de educação e inovação social voltada à agricultura urbana, periurbana e rural, baseado na participação coletiva e na co-criação de ações que contribuam para o desenvolvimento sistêmico da agricultura e da cultura em determinado território. O projeto prevê a realização de uma jornada coletiva visando à investigação profunda do ecossistema local e a cocriação de soluções que possam fortalecer as práticas de produção de alimentos no território, culminando em uma exposição fotográficaSua metodologia preza por processos participativos, destacando a condução coletiva de inovação e mudanças sociais profundas. Também se alia a oito dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) na Agenda 2030 da ONU.
 

Sobre a Ingredion
Ingredion Incorporated (NYSE: INGR), tem sua sede nos subúrbios de Chicago. É uma fornecedora líder global de soluções de ingredientes atendendo clientes em mais de 120 países. Com vendas líquidas anuais de quase 7 bilhões em 2021, a empresa converte grãos, frutas, verduras e outros materiais de vegetais em soluções de ingredientes de alto valor agregado para os mercados de alimentos, bebidas, nutrição animal, cervejaria e industrial.
Com os 32 centros de inovação, os INGREDION IDEA LABS® da Ingredion ao redor do mundo e aproximadamente 12.000 funcionários, a empresa co-cria com os clientes e cumpre seu propósito de trazer o potencial das pessoas, da natureza e da tecnologia para melhorar a vida.
 

Sobre a Evoluir
A Evoluir é uma empresa que gera valor e impacto social por meio de iniciativas educacionais, culturais e socioambientais na perspectiva da Educação Integral. Possui mais de 20 anos de experiência em investimento social privado e auxilia empresas a realizarem suas ações e estratégias sociais de forma segura e eficiente. Com atuação em âmbito nacional e internacional a empresa atua por meio de prestação de serviços, editais e leis de incentivo à cultura. Acredita na educação como força para transformação e torna esse ideal em realidade por meio de projetos especiais, assessoria pedagógica e produção de conteúdo direcionado. Saiba mais, clicando aqui.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp