29/10/2019 às 00h13min - Atualizada em 29/10/2019 às 01h33min

Moody's adquire participação minoritária na SynTao Green Finance

DINO

A Moody’s Corporation (NYSE:MCO) anunciou hoje que vai adquirir uma participação minoritária na SynTao Green Finance (STGF), uma importante provedora de dados e análises ambientais, sociais e de governança (ESG), que atende e tem como base a China.

A STGF oferece dados e classificações ESG, verificação de títulos "títulos verdes" (green bonds) e soluções de finanças verdes para instituições financeiras e empresas na China. A empresa também fornece liderança em ESG aos formuladores de políticas. Os dados da STGF abrangem empresas chinesas de capital aberto, emissores de títulos e tendências de desenvolvimento ESG em nível macro. A STGF foi o primeiro signatário chinês a ingressar nos Princípios para o Investimento Responsável das Nações Unidas (UNPRI) como prestador de serviços e o primeiro verificador aprovado pela Iniciativa de Obrigações Climáticas na China, e o único verificador chinês de títulos verdes no primeiro conselho consultivo dos Princípios de Títulos Verdes/Títulos Sociais pela International Market Markets Association (ICMA). A empresa é também a fundadora do Fórum de Investimento Social da China.

O investimento na STGF está em conformidade com o compromisso global contínuo da Moody's de promover padrões de transparência para avaliar os riscos ESG. Localmente, o investimento fortalece a presença e o envolvimento da Moody's na China e em seus mercados financeiros, com o foco em apoiar o crescimento sustentável de longo prazo e contribuir para o desenvolvimento saudável dos mercados de ESG.

“Desde a sua fundação, a STGF solidificou a sua posição na China como criadora de padrões locais e como a principal plataforma doméstica para análise e dados ESG. Os conjuntos de dados específicos da China da STGF oferecem oportunidades para aprimorar a pesquisa e os dados globais de ESG da Moody's”, disse Hao Shi, diretor geral, gerente nacional das operações da Moody's na China. “Juntos, vamos procurar promover os nossos respectivos pontos fortes e capacidade para oferecer soluções diversificadas para as necessidades de ESG de investidores e emissores, incluindo pesquisa conjunta, desenvolvimento de produtos e cooperação técnica.”

“Em consideração aos padrões globais de ESG e às características especializadas do mercado da China, a STGF desenvolveu metodologias de ESG eficazes, dedicadasàChina, e acumulou uma quantidade substancial de dados”, disse Peiyuan Guo, presidente do conselho administrativo da STGF. “O investimento da Moody's ajudará a STGF a acelerar a sua cobertura de dados, adoção e capacidade de atender ainda mais aos participantes do mercado chinês. Estamos muito entusiasmados em fazer parceria com a Moody´s e aguardamos ansiosamente a colaboração futura.”

O acordo complementa as recentes aquisições da Moody's da Vigeo Eiris, provedora líder global de pesquisas, dados e avaliações de ESG, e da Four Twenty Seven, Inc., líder em dados climáticos e análise de riscos.

Os termos da transação não foram divulgados e não terão impacto material nos resultados financeiros da Moody's em 2019. Espera-se que a transação seja concluída no início de novembro de 2019.

SOBRE A MOODY’S CORPORATION

A Moody's é um componente essencial dos mercados globais de capital, que fornece classificações de crédito, pesquisa, ferramentas e análises que contribuem para mercados financeiros integrados e transparentes. A Moody’s Corporation (NYSE:MCO) é a principal empresa da Moody's Investors Service, que fornece classificações de crédito e pesquisa que abrangem instrumentos de dívida e seguros, e a Moody's Analytics, que oferece produtos de software inovadores, serviços de consultoria e pesquisa para crédito e análise econômica e gerenciamento de riscos financeiros. A empresa, que registrou uma receita de US$ 4,4 bilhões em 2018, emprega cerca de 13.200 pessoas no mundo inteiro e mantém presença em 44 países. Mais informações estão disponíveis em www.moodys.com.

Para mais informações sobre a abordagem da Moody's ao ESG, visite www.moodys.com/esg.

A ativação de um futuro ambientalmente sustentável é um dos focos principais da abordagem da Moody's em relaçãoàresponsabilidade social corporativa. Para mais informações, visite www.moodys.com/csr.

Declaração de “Porto Seguro” sob a Lei de Reforma de Litígios de Seguros Privados de 1995

Certas declarações contidas neste comunicado são declarações prospectivas e estão baseadas em expectativas futuras, planos e prospectos para negócios e operações da empresa, que envolvem vários riscos e incertezas. Essas declarações prospectivas podem incluir, entre outras palavras, “acreditar”, “esperar”, “antecipar”, “pretender”, “planejar”, “irá”, “prever”, “potencial”, “continuar”, “estratégia”, “aspirar”, “meta”, “previsão”, “projeto”, “estimativa”, “deveria”, “poderia”, “pode” e expressões ou palavras e variações similares que transmitem a natureza prospectiva de eventos ou resultados, geralmente indicativos de declarações prospectivas. As declarações prospectivas e outras informações neste comunicado de imprensa são feitas a partir da presente data (exceto quando indicado de outra forma). A empresa não assume qualquer obrigação (nem pretende) de complementar, atualizar ou revisar publicamente essas declarações em base contínua, seja como resultado de desenvolvimentos subsequentes, expectativas alteradas ou não, exceto conforme exigido pela lei ou regulamento aplicável. Em conexão com as disposições de “porto seguro” da Lei de Reforma de Litígios de Valores Mobiliários de 1995, a empresa identifica exemplos de fatores, riscos e incertezas que podem fazer com que os resultados reais sejam diferentes, talvez materialmente, daqueles indicados por estas declarações prospectivas. Esses fatores, riscos e incertezas incluem, mas não estão limitados a, interrupções no mercado de crédito ou uma desaceleração econômica, que poderiam afetar o volume da dívida e outros títulos emitidos em mercados de capitais nacionais e/ou globais; outros assuntos que poderiam afetar o volume de dívida e outros títulos emitidos em mercados de capitais nacionais e/ou globais, incluindo a regulação, preocupações com a qualidade de crédito, mudanças nas taxas de juros e outras volatilidades nos mercados financeiros, como o que ocorre devidoàincerteza,àmedida que as empresas se afastam da LIBOR, e a pendência da retirada do Reino Unido da UE; o nível de atividades de fusão e aquisição nos EUA e no exterior; a ineficácia incerta e possíveis consequências colaterais das ações dos Estados Unidos e de governos estrangeiros que afetam os mercados de crédito, comércio internacional e política econômica; incluindo as relacionadas às tarifas e barreiras comerciais; preocupações no mercado que afetam a nossa credibilidade ou as percepções do mercado sobre a integridade ou utilidade das classificações de agências de crédito independentes; a introdução de produtos ou tecnologias concorrentes por outras empresas; a pressão de preços dos concorrentes e/ou clientes; o nível de sucesso do desenvolvimento de novos produtos e a expansão global; o impacto das regulamentações como um NRSRO, o potencial para novos regulamentos e legislações estaduais e locais dos EUA, incluindo as disposições da Lei Dodd-Frank de Reforma de Wall Street e de Proteção a Consumidores ("Dodd-Frank") e os regulamentos resultantes dessa Lei; o potencial para maior concorrência e regulamentação na UE e em outras jurisdições estrangeiras; a exposição a litígios relacionados às nossas opiniões de classificação, assim como a quaisquer outros litígios, processos governamentais e regulatórios, investigações e consultas aos quais a empresa pode estar sujeita de tempos em tempos; as disposições na legislação da Lei de Reforma (Dodd-Frank), que modificam os padrões de contestação, e os regulamentos da UE, que modificam as normas de responsabilidade, aplicáveis às agências de classificação de crédito de maneira adversa às agências de classificação de crédito; as disposições de regulamentações da UE que impõem exigências procedurais e substantivas adicionais sobre o preço dos serviços e a ampliação do mandato de supervisão para incluir classificações não pertencentesàUE usadas para fins regulatórios; a possível perda de funcionários essenciais; falhas ou mau funcionamento de nossas operações e infraestrutura; qualquer vulnerabilidade a ataques cibernéticos ou outras preocupações com segurança cibernética; o resultado de qualquer revisão ao controle de autoridades fiscais das iniciativas globais de planejamento tributário da empresa; a exposição a potenciais sanções penais ou recursos civis, se a empresa não cumprir as leis e regulamentos de outros países e dos EUA, que são aplicáveis às jurisdições em que a empresa atua, incluindo as leis de proteção e privacidade dos dados, leis de sanções, leis anticorrupção e leis locais que proíbem pagamentos corruptos a funcionários do governo; o impacto de fusões, aquisições ou outras combinações de negócios e a capacidade da empresa para integrar com sucesso esses negócios adquiridos; a volatilidade cambial e monetária; o nível dos fluxos de caixa futuros; os níveis de investimentos de capital; e um declínio na demanda por ferramentas de gerenciamento de risco de crédito por instituições financeiras. Estes fatores, riscos e incertezas, assim como outros riscos e incertezas que podem fazer com que os resultados reais da Moody's sejam substancialmente diferentes daqueles contemplados, expressos, projetados, antecipados ou implícitos nas declarações prospectivas, estão descritos em maiores detalhes em “Fatores de Risco” na Parte I, Item 1A do relatório anual da empresa, no Formulário 10-K para o ano terminado em 31 de dezembro de 2018, e em outros registros feitos pela empresa de tempos em tempos com a SEC ou em materiais aqui ou nela incorporados. Os acionistas e investidores são advertidos de que a ocorrência de qualquer um destes fatores, riscos e incertezas pode fazer com que os resultados reais da empresa difiram materialmente daqueles contemplados, expressos, projetados, antecipados ou implícitos nas declarações prospectivas, que poderiam ter um impacto material e efeito adverso nos negócios, resultados operacionais e condição financeira da empresa. Novos fatores podem surgir de tempos em tempos e não é possível para a empresa prever estes novos fatores, nem é possível avaliar o efeito potencial de quaisquer novos fatores que incidam sobre a empresa.

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.


Contato:

Pela Moody’s:

SHIVANI KAK

Relações com Investidores da Moody’s

+1 212-553-0298

Shivani.kak@moodys.com

OU

MICHAEL ADLER

Comunicações da Moody’s

+1 212-553-4667

Michael.adler@moodys.com

OU

GEORGE ZHU

Comunicações da Moody’s

+86 138 1057 0262

george.zhu@moodys.com


Fonte: BUSINESS WIRE

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp