29/10/2019 às 17h24min - Atualizada em 30/10/2019 às 01h33min

Boom das startups incrementa mercado brasileiro e revela cases de sucesso

Só no sul, são 1704 startups ativas, sendo 38% em fase de tração e 30% em operação, conforme o dados do Mapeamento de Comunidades 2019

DINO

Mais do que o dobro. Este foi o salto de crescimento do mercado de startups no Brasil nos últimos 6 anos, segundo dados da Associação Brasileira de Startups (ABStartups). Com isso, ainda em 2018, o setor somava em torno de 6 mil players registrados no país.

Atualmente, a quantidade é ainda maior. Só no sul, são 1704 startups ativas, sendo 38% em fase de tração e 30% em operação, conforme o Mapeamento de Comunidades 2019, realizado também pela ABStartups.

No estudo, se sobressaem não somente empreendimentos nascentes, mas também empresas, organizações e pessoas que já se destacaram na escalada de startup e/ou que atuam no fornecimento, fomento e incentivo deste mercado. Um exemplo é a BIMachine, fabricante de soluções em Business Intelligence e Business Analytics com sede em Lajeado-RS que figura no ranking como um dos Cases de Sucesso do Sul, categoria que dá destaque a startups locais que levantaram capital, detêm grande força de trabalho e presença consolidada no mercado.

A companhia também é a primeira citada no segmento Grandes Empresas do ranking, que lista corporações que possuem programas de startups ou que se relacionam com a comunidade.

Além disso, a CMO da BIMachine, Ana Paula Thesing, é listada entre os Líderes de Comunidade, cofundadores de startups e mentores frequentes que puxam atividades no ecossistema, bem como fazem parte da agenda frequente de palestras e eventos sobre empreendedorismo e startups na região.

A cidade-sede da BIMachine, Lajeado-RS, é destaque do Mapeamento da ABStartups dentro da Comunidade RS - Taquari Valley, grupo que visa a propiciar o desenvolvimento do ecossistema de startups da região. Com base nos dados disponibilizados pelo StartupBase, a cidade conta com 9 startups ativas, sendo observado que 50% se encontram em fase de tração e outros 50% divididos igualmente entre operação e scaleup. O modelo de negócio predominante em Lajeado é o B2B, com 50% das iniciativas abrangidas no estudo.

Dentre as iniciativas existentes no município, a BIMachine é elencada como Case de Sucesso por sua plataforma de Business Intelligence e Business Analytics que permite realizar a análise de negócios, fornecendo acesso a informações estratégicas provindas de bases diversas e permitindo a criação de apresentações, dashboards, gráficos e relatórios para geração de insights que tornam mais assertivas as tomadas de decisões em empresas de todos os portes e segmentos.

"A agenda de empreendedorismo tem alta relevância em nossa estratégia de atuação. Trazemos esse espírito de startup em nosso DNA, fomos, desde sempre, uma empresa inovadora, criadora de oportunidades e mercados", afirma Douglas Scheibler, CEO da BIMachine. "Nossa história é marcada tanto pela expansão constante, quanto por ações de fomento, como podemos exemplificar por nossa participação intensa em eventos do setor de startups e movimentos como o lançamento de um projeto voltado diretamente à troca de conhecimentos e incubação de novos empreendimentos, no qual estamos trabalhando neste momento", finaliza Ana Paula Thesing, CMO da companhia.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Veja mais...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp