CIDADE NO AR Publicidade 728x90
23/12/2022 às 12h07min - Atualizada em 25/12/2022 às 00h10min

Kosmik Band celebra a inocência na canção de Natal, All The Children

Mensagem em inglês chega em ritmo de reggae

SALA DA NOTÍCIA Café8 Comunicação & Marketing
Divulgação

Semanas após o lançamento do álbum que marcou a estreia da banda, Tudo Está Bom, a Kosmik Band divulga uma canção natalina sobre a inocência das crianças que dominam esta época de final de ano. Cantando em inglês, o argentino Enzo Buono e o brasileiro Nanan dividem os vocais com o congolês Mermans Mosengo, o argentino Fefe Lee e os americanos Jason Robert Blum e Matthew Preece, que também assina a letra, ao lado de Enzo. Ouça aqui
 

All The Children é sobre o espírito das crianças que nos contagia durante as festas de final de ano. Algo que vai além de estar certo ou errado, pois é sobre nos fazer sentir como um só. Um retorno à inocência”, explica Enzo. 


Essa atmosfera, inclusive, é o que a Kosmik Band celebra nas canções e nas artes visuais, assinadas por Pedro Roth, artista húngaro de 85 anos, que vive em Buenos Aires. O espírito da infância e o conhecimento e experiência da velhice impulsionam o projeto liderado por Enzo, que também conta com a sua conterrânea, a argentina La Charo, o espanhol Twanguero e o brasileiro Nanan. “A maioria das pessoas, quando crescem, matam a criança que havia em si, tornam-se adultos sérios e austeros. E quando alguém preserva a sua própria criança, conseguimos notar. Conecto-me com essas pessoas, e essa infância é também transversal às produções da Kosmik Band”, explica.
 

Trajetória da banda

O embrião do grupo surgiu pela primeira vez na década de 2000, momento em que Enzo, inspirado por um retiro espiritual que frequentou na Índia, desafiou-se a transformar os mantras “lentos e contemplativos” que aprendeu “em algo que as pessoas pudessem dançar”. 

Dessa missão surgiu, em 2009, um projeto, inicialmente chamado La Oneness Band, que cruzava a transcendência indiana com os sons das latitudes que descobriu enquanto produtor da Playing For Change, instituição de ação social através da música com a qual viajou a países como a República Democrática do Congo, a Jamaica, Cuba, o Senegal ou o Mali.

Depois de conhecer Nanan, em 2019, não demorou muito a descobrir ali um novo grupo: à identidade sonora que Enzo vinha recolhendo pelo mundo fora, Nanan veio acrescentar “o toque mágico brasileiro”. 

O seu álbum de estreia, Tudo Está Bom, foi batizado em português como “um tributo a este encontro cósmico com Nanan”, que, diz Enzo, “revitalizou o grupo”. O seu álbum de estreia, Tudo Está Bom, foi batizado em português como “um tributo a este encontro cósmico com Nanan”, que, diz Enzo, “revitalizou o grupo”. A Kosmik Band ficaria completa com La Charo, a mais recente integrante, considerada uma das principais artistas da cena atual Argentina.


Link
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp