CIDADE NO AR Publicidade 728x90
09/06/2023 às 17h00min - Atualizada em 10/06/2023 às 00h04min

“São João em Alagoas aquecerá demanda de aluguel de carros para as férias de julho”, projeta ABLA

Associação que reúne as locadoras recomenda a reserva antecipada de aluguel de carros a quem pretende viajar pelas Alagoas

SALA DA NOTÍCIA Agência Em Foco
Pixabay
O ‘São João’, conhecido por sua rica cultura, danças tradicionais, música forrozeira e comidas típicas, deverá mobilizar neste ano mais de 26,2 milhões de pessoas e arrecadar cerca de R 6 bilhões pelo Brasil, de acordo com o Ministério do Turismo – crescimento de 76% em relação a 2022. Em Alagoas, conforme projeção da Associação Brasileira das Locadoras de Automóveis (ABLA), as festividades também farão com que a demanda por aluguel de carros cresça em até 50% sobre o movimento verificado na baixa temporada.
 

Segundo o diretor da ABLA no estado, Lusirlei Albertini, Alagoas “vem trabalhando fortemente para ganhar cada vez mais espaço em termos de festas de São João”, avalia. “Maceió, por exemplo, ainda não tem essa vocação, que é mais presente no interior, porém neste ano a prefeitura da capital está empenhada com a realização do Massayó”.
 

Albertini acrescenta que a expectativa neste ano “é que tenhamos um mês de junho mais movimentado no comparativo com anos anteriores, justamente por conta da realização deste evento junino em Maceió”. A projeção é que a demanda durante a Massayó ajude a embalar um aumento “de até 50% no aluguel de carros para a temporada das férias de julho, cujo fluxo a Maceió normalmente já é alto”, explica o diretor.
 

A entidade que representa as locadoras de veículos ressalta o boom da retomada efetiva do turismo. “Este ano, Maceió já apresentou uma temporada de verão 15% melhor que em 2022. E foi também uma temporada relativamente mais longa, com o fluxo de turistas se estendendo até o final de fevereiro”, diz Lusirlei Albertini.
 

Ainda conforme as estatísticas da ABLA, Alagoas terminou 2022 com 4.222 automóveis e veículos comerciais leves registrados em nome de empresas de locação. A terceirização (aluguel de frotas inteiras para órgãos públicos e empresas) representa 80% da utilização da frota do setor nas Alagoas. O turismo é responsável por 20% da demanda da frota das locadoras alagoanas.

Link
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp