11/06/2024 às 09h55min - Atualizada em 12/06/2024 às 00h01min

Da contratação aos dados sigilosos: as responsabilidades das terceirizadas para empresas contratantes

Terceirizadas fazem a diferença!

KAKOI COMUNICAÇÃO
Divulgação

A Associação Brasileira das Empresas de Serviços Terceirizáveis e de Trabalho Temporário (Asserttem) divulgou um estudo indicando que a terceirização pode reduzir custos trabalhistas em até 50% ao repassar a gestão de seus colaboradores para uma empresa especializada. A razão é simples: a terceirização passa a cuidar de toda a burocracia do RH, melhorando a relação colaborador/ empresa com reflexos positivos na produtividade.

Desafogar a gestão interna e aprimorar processos são dois motivos que chamam a atenção das empresas para esta solução, mas não são os únicos:

“O setor industrial já percebeu os benefícios em fortalecer suas etapas de produção ao terceirizar certas atividades, seguindo o exemplo de concorrentes que já estão colhendo os frutos da terceirização. O que falta para muitas empresas é entender quais são as responsabilidades da terceirizada e criar confiança. Estamos falando sobre como fazer a gestão de setores inteiros, incluindo mão de obra e processos produtivos altamente sigilosos” lembra Renato Pádua, Gerente Comercial da RH NOSSA.

A responsabilidade da terceirizada com as empresas contratantes começa desde o processo de recrutamento e seleção dos times de trabalho, passando pela verificação de competências, experiências e habilidades dos profissionais terceirizados, até a gestão do trabalho, assegurando a entrega dos serviços contratados nos termos acordados.

Confiança e comunicação fazem diferença

A comunicação precisa ser ativa o tempo todo e essa eficiência no suporte é crucial. Para que a mobilização interna seja eficiente nos prazos estabelecidos, os canais de comunicação da terceirização precisam ser rápidos e acessíveis, fundamentais para sanar dúvidas e resolver problemas de forma ágil:

“Em situações de ausência de um colaborador, a empresa contratada precisa manter suas operações em funcionamento, muitas vezes necessitando substituir a mão de obra. Essa comunicação entre contratante e contratada não pode falhar.”

Renato lembra que a confiança na terceirização vai além da mobilização de recursos, abrangendo processos produtivos e informações comerciais que não podem ser expostas ou exploradas inadequadamente:

“A confidencialidade de dados é um tema sensível que as terceirizadas devem abordar com atenção. Ao adotar medidas de segurança para proteger informações confidenciais sobre contratos e processos, a terceirizada consegue evitar vazamentos de dados cruciais para o negócio, bem como o uso indevido dessas informações. A compreensão e o cumprimento destas responsabilidades pelas terceirizadas são fundamentais para construir essa relação de confiança” finaliza.


Notícia distribuída pela saladanoticia.com.br. A Plataforma e Veículo não são responsáveis pelo conteúdo publicado, estes são assumidos pelo Autor(a):
AROLDO ANTONIO GLOMB JUNIOR
[email protected]


Link
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp