18/05/2020 às 18h09min - Atualizada em 19/05/2020 às 00h00min

Podcast aposta em dicas de leitura de quem faz parte do mundo dos livros

Em isolamento, a relação com o tempo mudou – e ter boas indicações de obras literárias é fundamental. Essa é a proposta do canal Leituras de Cabeceira

DINO
https://www.kerovi.com.br/
Podcast Leituras de Cabeceira

Escolher qual será o próximo livro que se vai ler – ou mesmo comprar para dar de presente -, é sempre um desafio. Como referência, os leitores contam com a lista dos mais vendidos, uma indicação de um vendedor, a dica de um conhecido... Foi diante desse momento de dúvida, que a produtora de podcasts Kerovi criou o canal Leituras de Cabeceira.

Nele, pessoas relacionadas ao mundo dos livros e personalidades em geral, compartilham que livros estão lendo; o que leram de mais interessante nos últimos tempos; qual obra está esperando na fila e uma que tenha sido essencial na vida dessa pessoa. Saber, por exemplo, que o escritor Ruy Castro tem Alice no País das Maravilhas como uma obra fundamental em sua história, que a revisita todos os anos. Ou que a colunista Tati Bernardi tem Complexo de Portnoy como um livro que a  fez querer tornar-se escritora. Ou mesmo que livro que está fazendo a cabeça do neurologista Sidarta Ribeiro.

A intenção não é apenas trazer a literatura para o primeiro plano, mas oferecer aos ouvintes uma vitrine que não é dividida por gênero literário ou número de exemplares vendidos. É uma vitrine muito particular, em que as pessoas compartilham essa privacidade nos episódios do Leituras de Cabeceira. É uma forma de aproximar as pessoas por meio da leitura, que pode ser muito poderosa. Faz com que, não apenas os leitores habituais tenham uma nova perspectiva, mas aqueles que ainda não possuem esse costume, possam adquiri-lo, se sentindo instados a ler porque ouviram um relato acerca de uma ou outra obra que aguçou sua curiosidade.

“Embora tenhamos uma periodicidade semanal, é possível ouvir qualquer episódio a qualquer momento ou ordem – não há uma cronologia. O ouvinte pode começar pelos nomes de participantes que ele conhece... ou mesmo de outros, que não sejam conhecidos dele, mas que certamente poderão instigá-los a querer saber mais sobre as obras citadas,” diz Gabriela Iannaccone, diretora do canal. “A nossa curadoria busca identificar personalidades dos mais diversos espectros, escritores de diferentes estilos... para que a gente possa propiciar cada vez mais o interesse pelos livros,” completa.

Além da diversidade de vozes, o que o Leituras de Cabeceira propicia é um aspecto da obra literária citada que, muitas vezes, desperta a atenção – mesmo para livros que, eventualmente, o ouvinte já conheça. A jornalista Cristiane Corrêa, autora de Sonho Grande, revela, por exemplo, o quanto foi especial para ela a obra Sempre em Movimento, autobiografia de Oliver Sachs, e em que contexto ela estava quando fez a leitura. “Cada obra é única – e cada leitura é muito particular. O Leituras de Cabeceira busca, de pessoas que acreditamos que sejam do interesse do público, saber como os livros são percebidos,” diz Gabriela.

“Criamos o canal pouco antes, em fevereiro de 2020, mas ele é perfeito para o período de isolamento. Para quem está com mais tempo para ler, há um rol de dicas superinteressantes. E para quem está sem muito tempo, não terá desperdiçado esse recurso tão escasso com obras que podem não ser tão bacanas,” diz. “Além do fato de que continuamos em produção, mesmo em isolamento.”

Como parceiro do canal, foi procurada uma empresa que compartilhasse do mesmo interesse. “Por isso, batemos à porta da Suzano Papel e Celulose, que tem uma linha especial de papéis para livros, que é o Papel Pólen. Nos identificamos de cara, já com o slogan deles, que é mais prazer em ler,” diz Gabriela. 

O Leituras de Cabeceira tem periodicidade semanal e pode ser ouvido nos agregadores Spotify, Deezer, ApplePodcasts, GooglePodcasts, CastBox e PocketCasts



Website: https://www.kerovi.com.br/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp