19/05/2020 às 15h08min - Atualizada em 19/05/2020 às 17h21min

Lojistas de artigos para casa e decoração contam com diversas opções para abrir e-commerces

Parcerias permitiram a mais de 300 empresários a abertura de lojas virtuais e a inclusão destas às grandes redes de varejo on-line

DINO
http://www.abcasa.org.br

Atenta aos anseios de milhares de empresários que tiveram seus estabelecimentos comerciais fechados em razão da quarentena decretada para evitar a disseminação do coronavírus (Covid-19), a ABCasa tem procurado oferecer soluções, visando minimizar os impactos negativos por meio de importantes parcerias com empresas de marketplace e business-to-business (B2B).

Nos últimos dias, esses acordos permitiram a mais de 300 empresários a abertura de lojas virtuais e a inclusão destas às grandes redes de varejo on-line – e os números continuam crescendo.

Desde o início da pandemia, a Associação está mobilizada no sentido de auxiliar pequenos e médios varejistas no processo de adequação às novas possibilidades de vendas de produtos. Uma das primeiras ações foi a parceria com a Loja Integrada, plataforma de e-commerce do grupo VTEX, a maior da América Latina voltada para lojas de menor porte.

A plataforma oferece planos gratuitos, integrações de pagamento, entrega, e-mail marketing e também marketplaces para quem ainda inicia as suas operações no meio on-line, além de oferecer a Escola #BoraVender, plataforma de cursos on-line que leva conteúdo gratuito e prático, em vídeos curtos e didáticos que ensinam a como vender na internet, dicas e técnicas de layout, SEO e muito mais.

Com o objetivo de auxiliar esses novos lojistas a vender com mais facilidade, a ABCasa também estabeleceu uma parceria com o site MadeiraMadeira, plataforma que ocupa a liderança no ranking dos sites mais acessados na categoria Casa & Decoração.

Por meio do acordo, os lojistas podem disponibilizar seus produtos no marketplace, que oferece uma série de vantagens especiais, incluindo comissão reduzida. O site permite a ausência de cobrança por itens não vendidos e disponibiliza mais de 25 softwares para facilitar a gestão da loja, além de repasse total do pagamento, mesmo para compras parceladas, e integrações por API (conjunto de rotinas e padrões de programação). Tudo isso com um portal próprio de fácil acesso, no qual o parceiro tem o controle da sua performance e dos seus pedidos e cadastros.

Outra colaboração foi fechada com a Guarani Sistemas, plataforma de e-commerce focada em gerar negócios entre vendedores e compradores. A solução da empresa oferece regras comerciais personalizadas para toda a carteira de clientes de maneira rápida e eficiente, adaptando-se às necessidades do mercado B2B e dando suporte às operações dos lojistas com muitas funcionalidades.

Entre os benefícios estendidos aos empresários associados da ABCasa estão: tabela de preços e outras políticas comerciais (por cliente ou grupo econômico de clientes); filtros para que apenas clientes autorizados possam conferir preços e realizar compras; cálculos tributários de acordo com o sistema interno de cada loja; cálculo de frete por transportadora e por faixa de CEP, seguindo tabela de preços de logística; e vendas com cartão de crédito e boleto antecipado, facilitando o acesso ao crédito.

A Guarani Sistemas também oferece outras vantagens, a exemplo de vendas com faturamento direto através de autorização prévia; facilidades para o cliente automatizar o seu processo de compras; opção de download por parte dos clientes de arquivos XML, DANFE e boletos diretamente pela plataforma; recuperação de clientes inativos; e a chance de realizar operações de comercialização em locais onde o lojista não possui equipe de vendas. O lojista recebe ainda isenções das taxas de adesão, treinamentos e de integração.

Segundo Fabio Ferraz, CEO da Guarani Sistemas, a empresa projetava que o oferecimento de canais digitais (leia-se e-commerce B2B) das empresas ocorreria em um período de um a três anos no Brasil, devido à filosofia focada em vendas off-line (com representantes, vendedores, agentes comerciais e televendas). No entanto, a pandemia do coronavírus mudou esse cenário.

“Com o distanciamento social, as empresas aceleraram esse processo e decidiram complementar seus canais de vendas com meios digitais, oferecendo aos seus clientes a oportunidade de adquirirem produtos mais rapidamente, de qualquer lugar e a qualquer hora, melhorando os seus resultados e se protegendo da concorrência”, destaca Ferraz.

Maior marketplace da América Latina, o Mercado Livre também se tornou um importante aliado da ABCasa no suporte a pequenos e médios empresários para garantir a manutenção de seus negócios em movimento. A empresa, que acumula mais de 44 milhões de compradores, seis mil buscas e doze produtos vendidos por segundo, além de uma média de 1 milhão de produtos vendidos diariamente, oferece condição comercial diferenciada para novos vendedores, além de uma experiência de onboarding simples e eficiente.

Para os novos vendedores, o Mercado Livre concede desconto de 30% na comissão até o dia 30 de junho e oferece apoio para onboarding, com material simples e organizado voltado aos primeiros passos, além de diversas lives e webinários sobre como vender no portal.

Para empresários que querem criar sua própria loja on-line, a opção é o Mercado Shops. Nessa categoria, o parceiro oferece isenção da comissão no primeiro mês e, após esse prazo, os descontos podem chegar a 73%. Somente no mês de abril, a plataforma registrou cerca de 20 mil novos vendedores.

A Head Comercial do Mercado Shops, Juliana Bispo, explica que a participação da ABCasa contribuiu para o aumento de novos vendedores no site. Segundo ela, o segmento de Casa, Móveis e Decoração já representava uma das maiores categorias do Mercado Livre.

“Durante esse período de quarentena é uma das categorias que mais cresce devido à mudança no comportamento de compra nesse período, que vem favorecendo a aquisição de itens de cuidados e organização da casa, decoração, home office, entre outros”, salienta.

“Com esse conjunto de parcerias, o objetivo da ABCasa é estimular as vendas do mercado varejista, oferecendo várias opções aos empresários que foram surpreendidos com a quarentena e o consequente fechamento de suas lojas físicas. Com o aquecimento das vendas no varejo, a roda da economia volta a girar, o que beneficia a todos os envolvidos, desde os fabricantes e importadores, passando pelos lojistas e empresas de entrega, até o consumidor final”, conclui Eduardo Turqueto, presidente da Associação.

Mais informações podem ser obtidas através do site www.abcasa.org.br.



Website: http://www.abcasa.org.br
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp