30/10/2018 às 17h00min - Atualizada em 17/11/2018 às 11h44min

Cirurgião plástico Marco Cassol alerta sobre seroma e fibrose após plásticas

O pós-operatório é tão importante quanto o procedimento cirúrgico. Os cuidados após as cirurgias devem ser redobrados para evitar possíveis seromas ou fibroses que possam vir a surgir devido à falta de cautela ou mesmo por reação natural do organismo com o procedimento invasivo.
 
O seroma é uma complicação caracterizada pelo excesso de líquido que fica retido próximo à incisão cirúrgica, gerando uma inflamação. Pode acontecer em pacientes que realizam procedimentos grandes de deslocamentos de tecidos como a abdominoplastia e as cirurgias na mama. Já a fibrose é uma formação excessiva de tecido conjuntivo que deixa uma aparência irregular e endurecida. É algo mais comum na fase de pós-lipoaspiração, podendo ocorrer também em outros procedimentos.
 
O aparecimento do seroma e da fibrose fazem parte do processo de cicatrização da região. Porém, as causas mais frequentes que podem desencadear as duas situações são: a predisposição genética, o não cumprimento do período de repouso e a falta de uso de malhas de compressão após a cirurgia.
 
O cirurgião plástico Dr. Marco Cassol alerta para a importância de seguir as orientações médicas. “A cirurgia plástica é o primeiro passo para você ganhar a aparência dos seus sonhos, mas é o seu comportamento que vai te ajudar realmente a chegar lá”, pondera. Para o médico, cumprir os cuidados pós-cirúrgicos são passos fundamentais, e isto inclui a dieta anti-inflamatória.
Uma opção de prevenção, e que pode ser uma ótima aliada do pós-operatório, é a drenagem linfática. O procedimento é responsável por estimular o organismo e eliminar os líquidos que causam inchaço e acelerar a recuperação. Ainda pode melhorar a qualidade da cicatrização e evitar o aparecimento do seroma e da fibrose. 
 
Segundo Cassol, tanto o seroma quanto a fibrose podem interferir no resultado da cirurgia. Portanto, durante a recuperação, a paciente deve estar atenta aos cuidados pós-operatórios para que complicações não se agravem, além dos retornos pós-cirúrgicos, essenciais para o tratamento de possíveis seromas e fibroses.
 
Dr. Marco Cassol, cirurgião plástico especialista em face feminina - membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) com mais de 15 anos de experiência. É formado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRG) e conta com especializações em cirurgia para a redução de mamas, criolipólise, microlipoaspiração, cirurgia íntima, entre outras. Site: www.marcocassol.com.br
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp