30/07/2020 às 16h21min - Atualizada em 31/07/2020 às 00h01min

Latinex expande capacidade produtiva e aposta no Brasil, em meio à pandemia

Com a convicção de que a preferência por produtos nacionais deve aumentar no pós-pandemia, empresa aposta em agilidade e inovação e triplica o tamanho de sua planta na região metropolitana de Curitiba

DINO
http://www.latinex.com.br

A Latinex, indústria de alimentos 100% nacional, decidiu manter o seu plano de expansão mesmo com a crise provocada pelo coronavírus e com as perspectivas de retração do PIB. A empresa acaba de investir R﹩ 4 milhões para abrir a sua nova fábrica, localizada em São José dos Pinhais (PR), garantindo velocidade ao negócio. A planta, recém-inaugurada, tem 3.200 m², duas vezes maior que a anterior, de 990 m², vai operar em três turnos. Serão 20 colaboradores capacitados para manusear as máquinas de alta tecnologia, que representam 75% do investimento total, e em sua maioria estão destinadas à produção de snacks, foco de atuação da Latinex.

"Acompanhando as transformações do mercado diante da pandemia global e seus múltiplos impactos, desde a importação de produtos até o comportamento do consumidor, percebemos vantagens em seguir com os investimentos. A nossa expectativa é que o volume de produção aumente 26% nos próximos 7 meses, fazendo o market share dar um salto significativo", conta Eduardo Moraes, CEO da Latinex.

O processo de industrialização da Latinex teve início em 2018, depois que a empresa viu seu tamanho quadruplicar em apenas cinco anos. Naquela época, a empresa ainda importava e/ou terceirizava a fabricação das linhas de produtos de seu portfólio. Com um investimento de R﹩ 10 milhões naquele ano, deu início, então, ao envase e processamento de produtos no Brasil.

A iniciativa rendeu à empresa muito mais autonomia para novas criações dentro das suas quatro linhas - Fit Food, Frontera, Smart e Taste&Co - totalizando em pouco tempo 72 produtos no seu portfólio. Mas do que isso, sem o acréscimo das despesas de importação, deu-lhe mais capacidade de competir no mercado ao permitir que seus produtos chegassem a um custo melhor nos pontos venda.

"Com a nova fábrica eliminaremos de vez problemas oriundos da importação gerados pela mudança de logística e enfraquecimento da moeda brasileira. Ganharemos também mais velocidade para inovar e atender ao novo consumidor, que já tem se mostrado mais disposto a preparar suas refeições em casa e a melhorar a qualidade de sua alimentação como medida preventiva de saúde", completa Eduardo Moraes.

Na esteira desse investimento, ainda este mês a linha Fit Food, focada em alimentos com alto valor nutricional, ganha reforço com "Nuts", quatro combinações diferentes de snacks feitos com uma variedade de castanhas, grãos, frutas e sementes para atender a diferentes propósitos nutricionais de consumo de ômega 3, proteínas, antioxidantes e fibras. Composta por ingredientes de origem brasileira, a nova linha já está em produção na fábrica recém-inaugurada. Outros 7 lançamentos são esperados até setembro.



Website: http://www.latinex.com.br
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp