24/08/2021 às 13h53min - Atualizada em 25/08/2021 às 00h10min

Lombardia de bicicleta: cinco rotas para passeios em família

Da ciclovia Mincio ao Naviglio di Bereguardo, você pode fazer um passeio de bicicleta em família ao longo de diques e canais e entre vinhas e arrozais.

SALA DA NOTÍCIA Duvale Comunicação
www.italia.it

1. Ciclovia Mincio (MN)

Este percurso começa em Desenzano e se junta à ciclovia Mincio, também conhecida como Peschiera Mantova. Você pode dizer às crianças que elas têm muita sorte, pois estão pedalando em uma das primeiras ciclovias da Itália. O venerável caminho é uma ciclovia dedicada em quase toda a sua extensão e desce suavemente por 43,5 km ao longo do rio Mincio. A única dificuldade é decidir se você quer voltar pelo mesmo caminho ou por trem em Mântua. Além do rio, sua companheira de viagem é a paisagem: cenas rurais, bosques, pântanos, com turfeiras e fontes. O ponto de chegada em Mântua é cercado por três lagos: Lago Superiore, Lago di Mezzo e Lago Inferiore.

  

2. Naviglio Grande (MI)

O passeio de bicicleta clássico da Lombardia começa na Igreja de San Cristoforo, na Alzaia Naviglio Grande, em Milão. A partir daqui o passeio é fácil (mesmo para crianças) até o parque natural do Vale do Ticino. O canal Naviglio Grande, contornado por um caminho para ciclistas e caminhantes, foi construído para transportar grãos, madeira e mármore do Lago Maggiore até o canteiro de obras do Duomo. Depois de Trezzano (cerca de 12 km de Darsena), as estradas tornam-se mais calmas e sem trânsito à medida que seguem para Cusago e Cisliano. Pegue a ciclovia Naviglio novamente no antigo vilarejo de Robecco, com seu belo cais do século XVIII. Nesse momento do percurso, você já andou 30 quilômetros. Você pode voltar para Abbiategrasso pela pacata vila de Cassinetta di Lugagnano e voltar de trem com suas bicicletas.

  

3. Franciacorta (BS)

No século XVI, um homem chamado Dr. Conforti chegou à feliz conclusão de que esta bacia de moraina semelhante a um jardim seria um bom lugar para fazer vinhos espumantes. E o vinho Franciacorta é certamente uma agradável surpresa neste percurso por estradas ondulantes, entre socalcos inclinados, igrejas paroquiais, vinhas e mosteiros. Se você estiver com crianças, é uma boa ideia pegar a ciclovia parcialmente protegida de Paratico em direção a Brescia. A trilha totalmente pavimentada passa por Clusane sul Lago e segue em direção à Reserva Natural Torbiere del Sebino, uma colcha de retalhos pitoresca de floresta e água atravessada por 2 km de trilha não pavimentada. Tanto crianças como adultos vão adorar passear por passarelas de madeira. O Mosteiro Cluniac de San Pietro in Lamosa oferece uma bela vista dos pântanos.

  

4. Trilha Valtellina (SO)

Por mais incrível que pareça, você pode andar de bicicleta nas montanhas com as crianças sem precisar de bicicletas elétricas. Com pontos de aluguel de bicicletas e áreas de descanso bem equipadas, a trilha Valtellina torna a vida mais fácil: você pode pedalar em declive e no plano nas seções mais centrais. O caminho para ciclistas e caminhantes percorre o Adda, de Bormio (1225 metros) a Villa di Chiavenna (633 metros), passando por Tirano, Sondrio, Morbegno, Colico e Chiavenna, percorrendo uma paisagem de vinhas em socalcos: 114 km na zona de Valtellina e 42 km em Val Chiavenna. As duas rotas se encontram na Reserva Natural Pian di Spagna e Lago di Mezzola, um ponto de parada para aves migratórias ao norte do Lago Como. Como a ferrovia corre paralela ao caminho na maior parte do trajeto, você pode escolher qualquer seção do caminho e ainda voltar de trem, mas não saia antes de provar o bitto, o queijo local.

  

5. Naviglio di Bereguardo (PV)

No verão de 1895, um então desconhecido Albert Einstein pedalou pela área de Pavia ao visitar sua família quando estudante. Você pode dizer às crianças que as águas do Ticino podem ter inspirado o gênio inquieto de Einstein, o que pode ou não ser verdade. Uma coisa que podemos ter certeza é que seu piano está guardado no Castello Visconteo, que abriga o Musei Civici de Pavia. Este percurso de bicicleta começa na Ponte Coperto ou Ponte Coberta em Pavia e termina em Abbiategrasso (40 km no plano). Pedale por meandros e planícies de inundação até a rangente Ponte delle Barche em Bereguardo. Após o único aclive do percurso, entre na ciclovia Naviglio di Bereguardo e continue por 20 km ao longo de bacias, eclusas e pontes de pedra. Vale a pena parar no caminho para admirar a Abadia de Morimondo que data de 1136.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp