28/09/2022 às 21h50min - Atualizada em 29/09/2022 às 00h16min

Leo Pericles defende criação de polícia comunitária

Candidato diz que a maior parte dos crimes não são sequestros, estupros e assassinatos e sim crimes contra o patrimônio e só o socialismo oferece resposta para o cenário.

agenciabrasil.ebc.com.br/rss/politica
https://agenciabrasil.ebc.com.br/politica/noticia/2022-09/leo-pericles-defende-criacao-de-policia-comunitaria



Discursando para estudantes na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), o candidato à presidente da República pela Unidade Popular (UP), Leo Pericles, defendeu hoje (28) uma mudança nas políticas de segurança pública. Ele criticou as estruturas existentes e defendeu a criação de um polícia comunitária.



"Temos que acabar com o entulho da ditadura que tem não só nas políticas, mas também no judiciário. É preciso criar uma polícia comunitária. Extinguir essas que existem e criar uma comunitária que tenha condição de diálogo permanente com a comunidade. E buscar resolver problemas que existem porque as pessoas estão desempregadas, estão deprimidas e não têm perspectiva de vida", disse.



O candidato afirmou que a maior parte dos crimes não são sequestros, estupros e assassinatos e sim crimes contra o patrimônio. Segundo ele, só o socialismo oferece uma resposta para esse cenário. "É preciso resolver as condições materiais de vida das pessoas ou não muda as condições da segurança pública no Brasil", reiterou.



Notícias relacionadas:

O candidato afirmou que a maior parte dos crimes não são sequestros, estupros e assassinatos e sim crimes contra o patrimônio. Segundo ele, só o socialismo oferece uma resposta para esse cenário. "É preciso resolver as condições materiais de vida das pessoas ou não muda as condições da segurança pública no Brasil", reiterou.




Fonte: https://agenciabrasil.ebc.com.br/politica/noticia/2022-09/leo-pericles-defende-criacao-de-policia-comunitaria
Link
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp