16/02/2022 às 14h55min - Atualizada em 17/02/2022 às 00h00min

O término de 2021 e o que a SKR espera de 2022

Com nível de vendas já em patamares pré-pandemia, incorporadora acredita na continuidade das vendas em alta e aposta na inovação para driblar os desafios do próximo ano

SALA DA NOTÍCIA Arthur Isamu Takebayashi
Divulgação
 

O ano de 2021 terminou. Mesmo com reflexos da pandemia, o setor imobiliário encerrou o período com um cenário que projeta um volume de lançamentos entre 70 mil e 75 mil unidades, com um crescimento entre 17% e 25% em relação ao ano anterior, segundo dados da Pesquisa do Mercado Imobiliário (PMI) do Secovi. Em termos de vendas, a previsão é que sejam comercializadas de 60 mil a 65 mil unidades, variação de 17% a 26%

No geral, o mercado mostrou resiliência. Alguns fatores ajudaram a compor esse cenário, como a taxa de juros atrativa para financiamento (em 2020) e o estreitamento da relação das pessoas com suas moradias — o que fez muita gente, beneficiada pelo home office, repensar o seu estilo de vida e buscar imóveis maiores ou mudar de cidade — entre outros.

“Nossos empreendimentos vêm evoluindo com novos serviços e tecnologias. Esse conjunto de qualidades, que vão além do edifício propriamente dito, proporciona uma experiência diferenciada de morar. Estamos sempre nos aperfeiçoando e inovando, à frente do que é oferecido atualmente no mercado. Essas soluções, embarcadas em projetos com arquitetura autoral, estão sempre presentes, tanto nas áreas comuns como nas unidades residenciais. São os destaques de nossos produtos, Arquitetura Viva”, explica Silvio Kozuchowicz, CEO da empresa.

Os segmentos do setor sentiram os efeitos da pandemia de forma diferente. Enquanto o impacto maior foi sentido pelos imóveis de baixa renda, o mesmo não ocorreu com o mercado de imóveis de médio e alto padrão. A SKR encerrou o ano contabilizando um patamar de vendas próximo ao do período pré-pandemia.

Segundo Felipe Zveibil, head de asset e management property da incorporadora, a empresa acompanhou o crescimento do mercado não somente em vendas, mas também em lançamentos. De acordo com dados do Secovi, no acumulado de 12 meses — novembro de 2020 a outubro de 2021 —, os lançamentos na capital paulista subiram 49,7%, somando 83.721 unidades. Já a SKR atingiu um valor total de vendas acima de R$ 300 milhões.

Os imóveis com preços acima de R$ 1,5 milhão obtiveram maior VGO (R$ 10,6 bilhões) e maior VGV (R$ 852,7 milhões) no período, segundo o sindicato. Nesse sentido, a SKR investiu também no modelo multifamily, adicionando essa nova modalidade ao seu portfólio com empreendimentos como, por exemplo, o SAO 2222, localizado em Pinheiros.

“O saldo do ano é positivo”, aponta Felipe. “Continuamos na frente em ditar tendências do morar, buscando elevar a qualidade dessa experiência para os nossos clientes”, ressalta.

O que esperar de 2022?

Para o head da SKR, o ano de 2022 seguirá mantendo o ritmo de vendas de 2021. Por outro lado, o cenário econômico e político traz desafios para o setor, por conta das eleições, da pandemia, com o surgimento de novas variantes do coronavírus que podem ameaçar a retomada econômica, entre outros fatores.

Outro aspecto, na visão de Zveibil, a competição no setor deve se tornar ainda mais acirrada entre as empresas. “As incorporadoras estão olhando para diversos segmentos, como studios, apartamentos para renda, imóveis maiores, além do acréscimo de um leque cada vez maior de serviços”.

Esse ponto vem atrelado à opinião de Silvio Kozuchowicz: “As pessoas não estão querendo apenas morar, elas querem e podem ir além, experimentar, perceber novas sensações e vivências que somente uma boa arquitetura pode proporcionar. Isso se reflete no que oferecemos nos empreendimentos. Hoje, um apartamento é muito mais do que um simples ativo medido em metros quadrados. Há que se perceber nele e avaliá-lo de acordo com a diversidade de qualidades e singularidades que possui. Entregamos a melhor experiência de viver para que se possa usufruir de todos os seus benefícios e oportunidades.”, diz.

Nesse sentido, o investimento em inovação deve ser cada vez mais intenso, pois o próprio consumidor está levando em conta o que o empreendimento oferece na hora de assinar a compra do imóvel. “É interessante ver o consumidor antenado com isso. Ele não está atento somente ao preço do metro quadrado, mas sim como ele pode ter mais qualidade de vida no empreendimento”, reforça Felipe Zveibil.

Quando ocorre um recrudescimento do mercado, as incorporadoras precisam inovar para manter seu nível de vendas equilibrado. Na visão de Felipe, quando ocorre o contrário — com o mercado de vento em popa — os imóveis são vendidos sem dificuldade. 

“Ao ficar mais complexo, com mais imóveis disponíveis e menos pessoas comprando, a pergunta que fazemos é ‘o que eu posso oferecer para o meu consumidor?’ “, afirma Zveibil.

O executivo destaca ainda que o próprio consumidor e a parceria com fundos de investimentos — algo que foi bastante marcante na trajetória da companhia em 2021 — faz a incorporadora pensar fora da caixa. “Hoje, ele quer saber se o imóvel tem certificação ambiental, tecnologia embarcada, Internet das Coisas, aplicativo e bom fluxo financeiro. E ampliar essa visão faz parte do nosso DNA”.

Em termos de números, Felipe diz que, por conta do cenário político e econômico instável, com a previsão da continuidade do ciclo de alta da taxa de juros, aumento da inflação, entre outros, é difícil projetar expectativas. “Sabemos apenas de uma coisa: que embarcaremos na inovação para driblar as dificuldades em 2022, aumentando ainda mais a qualidade da experiência de morar dos nossos clientes”.

Sobre a SKR

Desde 1985 no mercado, a SKR pensa no futuro e constrói a paisagem de São Paulo com seu conceito de Arquitetura Viva. São 45 empreendimentos, 2.632 unidades entregues, e mais de 685 mil m² construídos com projetos de arquitetura impecável, que posicionam a SKR como uma incorporadora e construtora inovadora, que alia design e tecnologia para oferecer qualidade de vida nos melhores bairros de São Paulo.


 
Link
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp