20/12/2022 às 10h44min - Atualizada em 31/12/2022 às 00h03min

IPVA 2023: como calcular e se organizar para o aumento do imposto

Segundo InstaCarro, imposto subirá no ano que vem por conta da valorização de carros usados

SALA DA NOTÍCIA Luana Lopes
Towfiqu barbhuiya

O IPVA 2023 vai ser mais caro, até mesmo para os automóveis seminovos. A projeção é feita pela InstaCarro, startup que conecta interessados em vender carros com lojistas de todo o Brasil. “Como o preço dos veículos novos e seminovos subiu no decorrer de 2022, o imposto, que utiliza a tabela FIPE como parâmetro, também aumentou”, contextualizou Luca Cafici, fundador e CEO da InstaCarro.

O aumento no valor do IPVA faz com que muitos motoristas se adiantem para organizar o orçamento e não ficar no vermelho logo no começo do ano. Alguns reservam uma parcela do décimo terceiro, outros economizam nos presentes de Natal e também há aqueles que querem saber o valor que devem pagar com antecedência. Para prever o montante, é necessário conferir o valor venal do veículo na tabela FIPE e a alíquota vigente no estado para carros de passeio.

“Com essas duas informações em mãos, o motorista só precisa multiplicar o valor do automóvel pela porcentagem da alíquota. Por fim, basta dividir o resultado por 100”, explica Luca. 

Para exemplificar o cálculo, Luca cita o IPVA 2023 de um Tiggo 1.5 16V Flex 2019. De acordo com a tabela FIPE, o automóvel está avaliado em R$71.658,00 e, com base na alíquota do estado de São Paulo (4%) o imposto será de R$2.866,32.


Link
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp