05/11/2020 às 19h00min - Atualizada em 05/11/2020 às 18h59min

Sobrevivente da Alemanha nazista é a convidada da próxima live do Colégio Humboldt

Nascida em Berlim, Margot Bina Rotstein vivenciou o acontecimento da “Noite dos Cristais”: um ataque violento realizado pelo governo alemão contra a população judia que residia no país, o qual deu início ao encarceramento de judeus em campos de concentração

COMMUNICA BRASIL - cidadenoar.com
Nesta quinta-feira (05/11) às 17h, o Colégio Humboldt, instituição bilíngue e multicultural (português/alemão) finaliza a série de lives sobre a Queda do Muro de Berlim com a participação de uma sobrevivente da Alemanha nazista, Margot Bina Rotstein hoje com 89 anos. Conduzida por Fábio Martinez, diretor-executivo da instituição, o bate-papo será transmitido pelo canal do YouTube da instituição (Colégio Humboldt - Die Deutsche Schule in São Paulo). 
 
Filha de pais comerciantes, Margot levava uma vida tranquila até o antissemitismo começar a fazer parte de sua rotina. “Em 9 de novembro de 1938, fomos acordados com barulho de estilhaços de vidraças e uma grande iluminação de fogo. Triste visão que pudemos ter através da nossa janela e no dia seguinte soubemos do trágico acontecimento que ficaria para sempre gravado na minha memória e de todo o universo como “A noite dos cristais” – “Kristallnacht” em referência às vidraças das lojas, sinagogas, escolas, livros e livros sagrados estourados e queimados”, relata. 
 
Logo após o triste episódio, seus pais providenciaram, por meio de movimentos clandestinos, passagem de trem para Marselha, na França, onde haveria um navio aguardando fugitivos para um destino incerto. No caminho foram destituídos de suas bagagens, restando apenas a roupa do corpo e alguns trocados. Chegaram a portos da América do Sul firmando-se primeiramente na Bolívia e depois de alguns anos chegaram ao Brasil.
 
“Não soubemos pessoalmente das amarguras, dores e tragédias dos campos de concentração, porém, tenho como objetivo, jamais deixar que esta página da recente história, seja apagada, renegada e muito menos esquecida”, finaliza Margot Bina Rotstein.
 
Sobre o Colégio Humboldt 
Mantido pela Sociedade Escolar Barão do Rio Branco, o Colégio Humboldt está instalado em uma área de 60 mil metros quadrados e hoje atende a aproximadamente 1.100 alunos, desde o Maternal até o Ensino Médio. A instituição - referência quando o assunto é ensino de qualidade - oferece ensino bilíngue (português/alemão) e multicultural e dois currículos de formação: um brasileiro e outro alemão. O Colégio oferece, ainda, a possibilidade de avaliação para ingresso no Ensino Superior alemão - Abitur, e a Formação Profissional Dual, ou seja, cursos técnicos na área de Administração, Logística e Informática.
 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp